Como está a sua performance?

Você sabe o que é SLA? E a hospedagem da Amazon, já ouviu falar?
Fique atento que eu te conto nesta postagem. 🙂

SLA

Sabemos que o comércio eletrônico cresceu exponencialmente no Brasil. O que antes era visto como “hobby” –  pois muitas pessoas achavam que era “só publicar e deixar vender” -, tornou-se um mercado consolidado e competitivo.

Antigamente os sistemas eram simples, com funções básicas. Com o crescimento do mercado foram surgindo as necessidades e a empresa que saia na frente – acrescentando determinada funcionalidade – tinha um diferencial para o lojista.

Um destes diferenciais, que surgiram com o crescimento do mercado, foi o SLA.
SLA, traduzido, quer dizer Service Level Agreement, na língua portuguesa o termo adotado foi: Acordo de Nível de Serviço.
Este contrato é uma peça fundamental para o seu negócio porque ele vai lhe dar metas quanto ao serviço que está sendo oferecido.

Então, a empresa que lhe oferece o serviço de hospedagem, por exemplo, deve trabalhar com “uma porcentagem de serviço mensal”, em suma: deve garantir que o servidor onde sua loja virtual está hospedada tenha uma meta de performance, assim ele deve oscilar ou ficar fora do ar uma quantidade X de tempo.

É muito importante ressaltar que esta meta não quer dizer que o servidor vai ficar fora do ar ou oscilar, na grande maioria das vezes isso nem chega a acontecer, mas é importante ter um parâmetro para caso isto ocorra.

A decisão crucial em todo este processo é escolher uma empresa que atenda esses requisitos, e que lhe forneça um SLA com metas justas e que ajude seu negócio a crescer.

O Mundo do Comércio Eletrônico

Vimos que o comércio eletrônico cresceu bastante e se firmou como uma das maiores formas de negócios do Brasil (e do mundo)

Então, se antes eram algumas empresas que lhe forneciam a plataforma de comércio eletrônico, hoje em dia existem várias! E cada uma delas oferece uma função diferente, algumas mais arrojadas, outras mais básicas… Então, como avaliar o que é melhor para a sua empresa?

A primeira coisa que você deve levar em consideração é a hospedagem de sua loja virtual.
As plataformas de comércio eletrônico, geralmente, utilizam os servidores de uma segunda empresa para hospedar as lojas de seus clientes.

É muito importante que sua loja virtual esteja disponível quando o seu cliente precisa, isto lhe dá credibilidade.

Como escolher?

Opte por empresas que oferecem plataformas de comércio eletrônico, elas possuem contratos com a Amazon e os servidores são mais robustos.

Pesquise informações sobre a empresa que deseja escolher, veja se eles possuem reclamações e, caso possua, pondere a respeito do que foi dito e do custo X benefício da empresa.

Boas vendas!

Conhece a nossa agência digital? Clique aqui e seja direcionado.