SEO conteúdo, quantidade e qualidade, a informação disponível
deve ser suficiente. Não ache que o conteúdo do fabricante ou do
fornecedor basta. Muitas lojas virtuais oferecem na pagina de
informações do produto nada mais do que a descrição que aparece
na nota fiscal. Não é a maneira que um website vendedor deve se portar .
Outros usam o ”copiar e colar”, o que é ainda pior, pois pode trazer
erros de grafia, concordância, faltando pedaços e além disso,
lembe-se de que o Google não gosta de conteúdos copiados.
É preciso se diferenciar, no SEO conteúdo, qualidade e quantidade,
dar personalidade, envolver o leitor, descrever quase que poeticamente
e oferecer mais do que simplesmente informações técnicas.

Com o aumento nos custos das mídias digitais, o conteúdo será, cada vez
mais, uma parte importante da venda de produtos e serviços online.
O raciocínio que baseia a estratégia de conteúdo é apresentar o máximo
possível de informações sobre o assunto, o negócio, o nicho de mercado,
os meios de pagamentos , e explicar o que for necessário, para que a pessoa
não tenha de sair do ambiente da loja. Quem compra quer informação  e
precisa sentir-se confortável. É preciso ter capricho, ter gente para
” arrumar a vitrine”, preparar tudo para vender. Quando as vendas estão fortes,
porem, esse tipo de preocupação fica em segundo plano. Com o amadurecimento
do mercado, esses aspectos ganham importância.
Os pilares para esses conteúdos são:

⇒ Conteúdo Semântico
⇒ Conteúdo Social
⇒ Conteúdo Visual
⇒ Conteúdo Colaborativo

  • Para se entender melhor sobre essa estrategia
    sobre SEO conteúdo, quantidade e qualidade leia mais em eyagencia.com.br
    outros post relacionados a SEO.